Nos dias que correm, os jovens estão cada vez mais recetivos a novas experiências, quer educacionais, quer pessoais.

A riqueza dessas experiências é inestimável: o contacto com novas culturas, tanto pelo país que os acolhe, como pelo mix de estudantes de outros países que co-habitam o mesmo curso e o mesmo espaço durante determinado período de tempo; sair da zona de conforto e aprender uma nova língua, novos hábitos, adquirir novos conhecimentos, e a maturidade que isso lhes permite alcançar. E podíamos continuar a enumerar outras e outras variáveis do que o Erasmus pode mudar a vida de um jovem… É, simplesmente, muito mais que uma viagem, é uma experiência global!

Quase a completar três décadas de existência, o programa Erasmus iniciou a sua aventura em 1987 com apenas 25 estudantes portugueses e até este ano já enviou mais de 81 mil estudantes portugueses para vários países integrados no programa da União Europeia. O Erasmus é um programa de apoio interuniversitário de mobilidade de estudantes e docentes do Ensino Superior entre Estados-membros da União Europeia e Estados associados, e que permite a alunos que estudem noutro país por um período de tempo entre 3 e 12 meses.

O Erasmus não é o único programa que permite aos estudantes saírem do seu país para estudar e conhecer novas realidades. O programa de Intercâmbios também o permite.

Existem várias formas de intercâmbio, mas a mais comum é a residência familiar, ou seja, o estudante sai do seu país e é acolhido no seu ‘novo’ país por uma família que, também ela, ‘cedeu’ o seu jovem para intercâmbio noutro país. No fundo, durante aquele período de tempo, determinado jovem é ‘adotado’ por aquela família, recebe carinho e acompanhamento da parte dessa família, bebe das regras da família e a integração no seu novo país será mais fácil.

A história dos Intercâmbios remonta a 1914, em plena I Guerra Mundial, quando A. Piatt Andrew organizou o American Field Service (AFS) com a missão de transportar soldados franceses feridos em combate. O AFS, feito por voluntários e apoiado por fundos civis, iniciou as suas operações num hospital militar auxiliar. Depois das Gerras Mundiais, Stephen Galatti e 250 condutores AFS prometeram continuar a sua tradição e criaram o “AFS International Scholarships”. Encorajado pelo Departamento de Estado Americano, o AFS iniciou o “AFS German Program” que envolveu estudantes de nações consideradas inimigas como a Alemanha e o Japão. A multinacionalização do programa foi alcançada em 1971 com a introdução dos intercâmbios multilaterais. Hoje, 314.200 participantes e famílias de acolhimento participam em intercâmbios AFS, apoiados por 100.000 voluntários. Assente numa ideia profunda nascida na guerra, o AFS é hoje líder na área dos intercâmbios culturais internacionais.

Ainda no campo dos intercâmbios, a Multiway promove cursos e programas no estrangeiro que visam contribuir para um melhor conhecimento de outras línguas e culturas, através de cursos académicos, de línguas e programas de carácter intercultural. Atualmente presente em mais de 20 países em todo mundo, dá a possibilidade a jovens e adultos de adquirirem conhecimentos em áreas como a comunicação visual, design, moda, cinema, música, línguas, hotelaria e promove, ainda, oportunidades de emprego e estágio nos países onde tem presença.
Os intercâmbios podem ser de âmbito profissional ou educacional, mas também em contexto de lazer. É o caso dos campos de férias internacionais organizados pelo CISV, onde é possível participar a partir dos 11 anos.

O CISV promove o intercâmbio entre amigos que têm oportunidade de trocar experiências culturais com forte conteúdo educacional. Espalhado por mais de 60 países, o CISV disponibiliza uma variedade de atividades de grupo que permitem desenvolver a tolerância e compreensão entre culturas para crianças, jovens e adultos de todo o mundo. Existem oito programas que, tanto a nível local como internacional, ajudam a construir comunidades que contribuam para um mundo mais pacífico. Village (11 anos), Interchange (12 a 13 anos), Step up (14 a 15 anos), Junior Branch (16 + anos), Seminar Camp (17 a 18 anos), Youth Meeting (12 a 19 + anos), International People’s Project (19 + anos) e Mosaic (qualquer idade).

Só quem vive a experiência de um Erasmus ou de um Intercâmbio consegue perceber o antes e o depois da sua personalidade, da sua vida e da sua história. Ninguém fica melhor, nem pior, só diferente!

Lisboa

Diversão é na Family Land

Quando: 8 e 9 de Outubro
Local: Cascais

Mais informações

O Principezinho

Quando: até 16 de Outubro
Local: Museu Nacional de História Natural e da Ciência

Mais informações

Barlavento Famílias

Quando: 22 e 23 de Outubro
Local: São Luiz Teatro Municipal

Mais informações

Porto

MONVERDE Convida Miúdos e Graúdos a Vindimar

Quando: até 15 de Outubro
Local: Amarante

Mais informações

Pré-Festival CINANIMA na Universidade do Porto

Quando: até 28 de Outubro
Local: Reitoria da U.Porto – Praça Gomes Teixeira

Mais informações

Workshop – Decorações de Halloween

Quando: 29 de Outubro
Local: Atmosfera m – Rua Júlio Dinis

Mais informações